William Brendaw

William Brendaw

Começando uma rotina de escrita

Uma foto de um caderno com uma caneta em cima da mesa. Há um desfoque da imagem para destacar a caneta e o conteúdo que parece ter sido escrito antes da foto ser tirada
(Aaron Burden no Unsplash)

A escrita sempre me fascinou. Principalmente em momentos como após ler um livro, ver um filme ou jogar algum jogo que me fez sentir que aquela experiência foi incrível. Sempre fico pensando em como seria interessante conseguir criar algo que causasse esse tipo de impacto nas pessoas. No fim, sempre me deixei levar por outros caminhos (e procrastinações) que acabavam colocando essa possibilidade de lado.

Trazendo para o contexto técnico, como o meu site, nunca consegui engajar de fato na criação de conteúdo. Já tentei começar a escrever muitas coisas para cá, inclusive pensei em criar vários artigos como um tutorial ou guia para quem queira fazer algo e não sabe como. O problema dessa abordagem é criar toda uma estrutura de documentação que, pra mim, acaba sendo muito maçante e desinteressante de fazer.

Por tudo isso e motivado pelos começos que o início do ano nos proporciona, decidi que agora seria diferente e me comprometeria a engajar mais na escrita. Então comecei a mudar o meu foco em torno da escrita, seguindo as propostas dos objetivos abaixo.

  • Escrever o que eu estiver com vontade.
  • Criar uma rotina de escrita no meu dia.
  • Intercalar entre vários formatos.
  • Pensar a escrita como uma maratona e não uma corrida.
  • Para o site, focar em textos mais simples, pra não deixar as ideias morrem.

Bora ver cada item com mais detalhes.

Escrever o que eu estiver com vontade

Já perdi muito tempo para buscar algo “perfeito” para escrever. Ou escolhia algo que seria interessante para se ter no site, mas que não me engajava a tirar do papel. A verdade é que no fim o importante é simplesmente criar. E pra facilitar a criação, é importante conseguir coletar as coisas que te empolgam no momento em que você bater o olho, para depois já sair criando. Por isso, estou usando o app Notas para ir coletando as ideias de escrita e o Scrivener para me auxiliar a dar corpo aos rascunhos e tirar as histórias do papel.

Criar uma rotina de escrita no meu dia

A parte mais interessante de escrever é, com o perdão da redundância, escrever. Só que pra fazer isso, é necessário criar o hábito escrita. Assim é possível manter o ritmo de produção e geração de conteúdo. Estou tentando encaixar uma hora de escrita no fim do dia, onde tenho mais disponibilidade de horário na minha rotina.

Intercalar entre vários formatos

Sempre fui uma pessoa que se empolga com várias coisas diferentes. Quase todo dia surge uma fagulha que me motiva a começar algo. Por isso, estou tentando canalizar essa motivação de experimentar coisas diferentes para a escrita. Já comecei alguns rascunhos de contos, uma comédia romântica (porque sim), alguns argumentos para possíveis jogos (vai que né) e opiniões sobre tecnologia. Dessa forma, consigo dividir um pouco a escrita entre cada frente, sem deixar que a falta de motivação para determinado conteúdo me deixe parado.

Pensar a escrita como uma maratona e não uma corrida

Isso era um dos grandes erros que eu sempre cometi, achar que eu preciso ser uma máquina de escrita e entregar conteúdo perfeito a todo momento. A realidade é que ainda não sou tão bom escritor assim, além de não ter tanto tempo pra escrever. Sem contar que tenho vontade de fazer várias coisas, como já comentei antes.

Por isso, agora eu estou tentando desencarnar dessa mentalidade e ir no objetivo de escrever aos poucos sobre tudo, dentro da minha hora de escrita (ou também quando abrir uma brecha nos meus horários). Se em algum momento finalizar algo, será ótimo.

Para o site, focar em textos mais simples, pra não deixar as ideias morrem

Até já comentei um pouco acima, cometi o erro de projetar a criação de conteúdos grandiosos para o site, com o pensamento de que o conteúdo que estivesse aqui fosse algo relevante como uma wiki. Como você deve ter percebido, nunca deu certo. Nenhuma das séries foram pra frente e eu sempre fiquei com a sensação de nunca conseguir concluir nada por aqui.

No fim, o que eu percebi é que qualquer conteúdo é relevante, mesmo que não seja uma série ou algo muito elaborado. A partir disso, estou com alguns conteúdos já engatilhados para serem lançados aqui, como pequenas dicas ou coisas que sejam pontualmente relevante. Também penso em trazer pra cá algumas ideias que não caibam num tuíte e sejam bacanas de estarem por aqui.


Não sei se são as melhores estratégias para escrita ou se eu vou conseguir manter essa rotina por muito tempo, mas posso dizer que está sendo bem interessante seguir tudo isso e estou tendo muito mais gosto na escrita do que eu já tive antes.

E você, acha que faltou algum item dos que eu elenquei ou gostaria de compartilhar as suas estratégias para manter uma rotina de escrita? Escreva nos comentários!